Notícias FEMA

Fisioterapia, Medicina e Enfermagem publicam artigo em revista científica

Estudo revela preocupações com a saúde dos trabalhadores em instituições de ensino superior

 

Sob o título “Análise da composição corporal de trabalhadores de uma instituição de ensino superior”, um estudo realizado por um grupo de estudantes da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA) foi publicado recentemente no periódico Colloquium Vitae, classificado como Qualis B3. O artigo revela descobertas sobre a saúde dos funcionários da instituição.

 

O estudo foi conduzido por Andressa Schmidt Arruda, Francine Molgora Ferreira, Jéssica Vasconcelos Claudio, Maria Clara Ferreira Bueno, Maria Vitória Antônia dos Santos, Rafael Yanaguihara Bispo e Tiago Oliveira dos Santos, do curso de Fisioterapia, bem como Ana Flávia Cardoso e Larissa Silva Matiolli Martins, do curso de Medicina. A supervisão foi dos professores Dr. Alan José Barbosa Magalhães, do curso de Fisioterapia, e Dr. Ednir de Oliveira Vizioli, do curso de Medicina, e da professora Dra. Luciana Pereira Silva, do curso de Enfermagem.

 

Este estudo é uma parte significativa da pesquisa ampla intitulada “Efeitos de um programa de treinamento resistido e orientação nutricional sobre a composição corporal e a qualidade de vida de funcionários de uma instituição de ensino superior”, que foi desenvolvida dentro do Programa de Iniciação Científica (PIC) da FEMA.

 

Através de uma análise antropométrica e outras variáveis da composição corporal, os pesquisadores identificaram padrões preocupantes entre os trabalhadores estudados. Surpreendentemente, a pesquisa apontou que os trabalhadores com menos de 40 anos de idade exibiram uma incidência maior de sobrepeso/obesidade, bem como um risco elevado de doenças cardiovasculares e outras doenças relacionadas à obesidade, juntamente com um menor percentual de massa muscular em comparação com os trabalhadores acima de 40 anos.

 

“Esses resultados destacam a urgência de intervenções específicas, como aconselhamento nutricional e programas de exercícios físicos regulares, para mitigar os efeitos prejudiciais do sedentarismo entre os trabalhadores de instituições de ensino superior”, enfatizou o professor Dr. Alan José Barbosa Magalhães.

 

Além da publicação deste artigo no periódico Colloquium Vitae, os envolvidos apresentaram e publicaram seus trabalhos em diversas conferências e simpósios de, incluindo o XV Fórum Científico da FEMA, o Encontro Nacional de Ensino, Pesquisa e Extensão 2022 (ENEPE 2022), o 30º Simpósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP (SIICUSP 2022) e o VI Congresso Internacional de Ciência, Tecnologia e Inovação da Universidade Paranaense (UNIPAR).




Estudantes de Enfermagem da FEMA visitam o Instituto Butantan

Com a visita, eles puderam explorar os museus e aprofundaram seus conhecimentos em microbiologia, ...

Leia mais

Alunos de Enfermagem promovem roda de conversa sobre diabetes na UBS Fiúza

Iniciativa abordou necessidades dos pacientes diabéticos com participação de nutricionista e ...

Leia mais
Receba Informações

Sobre os nossos cursos