Notícias FEMA

Nova direção acadêmica da FEMA assumiu nesta última segunda-feira

Professores Dr. Ricardo Estefani e Me. Fernando Antonio Soares de Sá Junior apresentam as propostas para a nova gestão

 

Na última segunda-feira, 3 de junho de 2024, os professores Dr. Ricardo Estefani e Me. Fernando Antonio Soares de Sá Junior tomaram posse como diretor e vice-diretor acadêmicos, respectivamente, da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA), representando o Instituto Municipal de Ensino Superior de Assis (IMESA).

 

O Dr. Ricardo Estefani, professor do curso de Medicina da FEMA desde 2017, médico cirurgião-plástico formado pela Faculdade de Medicina de Marília (FAMEMA), é mestre em Saúde e Envelhecimento pela FAMEMA e doutor em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) – Campus de Botucatu-SP.

 

O Me. Fernando Antonio Soares de Sá Junior, advogado há mais de 20 anos e professor dos cursos da FEMA desde 2010, atuando atualmente nos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Direito, é mestre em Direito pelo Centro Universitário Eurípedes de Marília (UNIVEM), onde também se especializou em Direito Tributário.

 

Dentre as propostas apresentadas pela nova gestão, o professor Ricardo Estefani destaca como os primeiros passos a serem dados a aproximação da FEMA com o Conselho Estadual da Educação (CEE), rever os projetos político-pedagógicos, avaliar e rever as pendências de cada curso da FEMA perante o Conselho. “Essa proximidade com o CEE é um pouco urgente, e o nosso objetivo, como dito em nossa campanha, é ouvir os professores de cada área, porque é difícil nós, como médico e advogado, opinarmos sobre cada curso em específico porque alguns fogem do nosso conhecimento técnico. Nós temos o conhecimento, enquanto educador, para garantir o funcionamento do curso frente ao CEE. Porém, a gestão participativa só ocorre de fato se você está do outro lado também, sabendo dos anseios dos professores, estudantes e funcionários”, comenta.

 

O professor Fernando Sá complementa explicando que parte desse trabalho já foi feito durante a campanha da chapa “Novos Rumos” para a eleição. “Nós já ouvimos uma parte dos professores de cada curso para produzir a nossa proposta, mas nós queremos um olhar omnipresente. Agora nós queremos ouvir os demais professores, os alunos a respeito do que eles esperam, para que possamos fechar um programa de governo melhor e mais condizente com as necessidades da instituição. Para arrematar a fala do professor Ricardo, eu vou utilizar aqui alguns termos médicos. O que nós vamos fazer, agora no início, é um diagnóstico, e pra isso queremos fazer algumas reuniões entre a direção e os professores e ouvir cada demanda relativa aos seus cursos. Existem projetos que temos que implementar em face a todos os cursos, como a curricularização por exemplo. Isso é algo fundamental, que inclusive vai pavimentar o caminho para a formação de um centro universitário”, explica Fernando Sá.

 

Nesta nova fase de gestão, os novos diretores pretendem dar voz à comunidade acadêmica, permitindo assim uma maior participação nas decisões. Você pode conferir o bate-papo com a nova direção do IMESA no videocast a seguir:

 

FEMA abre inscrições para transferência externa em Medicina

Processo Seletivo oferece 10 Vagas com provas em julho; Inscrições estão abertas até o dia 27 ...

Leia mais

Diretora da FEMA/IMESA participa do 7º Encontro do Dia Mundial da Saúde

Iniciativa reúne instituições e representantes da saúde de Assis e região, promovendo diálogo ...

Leia mais
Receba Informações

Sobre os nossos cursos