Notícias FEMA

Enfermagem trabalha em testagem de alunos

Parceria entre a coordenação do curso de Enfermagem da FEMA, Secretaria de Saúde e Secretaria de Educação promove testagem em massa de crianças da Rede Municipal de Educação durante o retorno presencial às aulas

O curso de Enfermagem da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA), em parceria com as Secretarias Municipais da Saúde e da Educação, começou a promover nesta semana uma ação de testagem em massa de crianças e adolescentes de toda a Rede Municipal de Ensino de Assis, como uma forma de avaliar a circulação do vírus não só nas escolas, como nos bairros.

De acordo com a professora mestra Fernanda Cenci Queiroz, coordenadora do curso de Enfermagem da FEMA, a ideia é também aproveitar este momento de retorno seguro às aulas presenciais em toda a rede de ensino de Assis para abordar as formas corretas de prevenção ao contágio. “No momento do resultado dos testes, nós, professores e alunos, estamos fazendo um atendimento individual, orientando as crianças e seus representantes legais sobre medidas de biossegurança, como o uso correto das máscaras, a lavagem das mãos, o uso do álcool em gel e a importância do distanciamento social, abrindo também um espaço de acolhimento, para que elas tirem as suas dúvidas, colaborando para um retorno seguro às aulas presenciais”, comenta a coordenadora.

A iniciativa para essa ação gigantesca partiu da Secretaria Municipal da Saúde, que recebeu cerca de 6 mil kits de testes de covid-19 do governo federal, logo em seguida, procurou a FEMA para que o município encontrasse uma boa forma de utilizar esses testes. “Fizemos várias pesquisas ao longo dos últimos dias e avaliamos que neste momento de retorno seguro às aulas, a testagem em massa das crianças seria de grande importância e daria uma maior segurança aos pais, uma vez que ainda não há vacinas disponíveis para essa faixa etária” explica Fernanda.

Com esse rastreamento feito a partir dos testes, os alunos e professores do curso de Enfermagem, com o apoio da Secretaria da Saúde, poderão apresentar novos dados sobre o coronavírus na cidade, com estatísticas e frequência da circulação viral, por exemplo. “Os testes que dão resultado de ‘possível positivo’ são encaminhados imediatamente ao SUS, para que as Unidades Básicas façam o devido acompanhamento da criança e de sua família, isolando e evitando a contaminação nas escolas – se realmente for um caso positivo.”, diz a coordenadora.

Os testes estão sendo organizados pela Secretaria Municipal da Saúde nas escolas de toda a rede de ensino municipal. De acordo com Fernanda, as direções das escolas e suas equipes estão marcando os dias de testagens intercalando com os dias de aulas e, às terças e quintas-feiras são colhidos os testes nos alunos, na presença de um responsável legal, após o consentimento do mesmo. “Para evitar aglomerações desnecessárias, 15 crianças são testadas de hora em hora. A ação ainda deve durar por mais algumas semanas. A experiência está sendo muito significativa, uma vez que a volta das aulas é um grande momento de promoção e prevenção à saúde de nossas crianças, bem como também traz maior segurança aos pais nessa volta às aulas”, finaliza Fernanda.

Parceria entre FEMA e Arquivo da Propaganda amplia acesso a acervo publicitário

O curso de Publicidade e Propaganda da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA) ...

Leia mais

Professores e alunos promovem ação na UBS Fiúza no Dia Nacional do Diabetes

No último dia 26 de junho, os alunos do curso de Enfermagem da Fundação Educacional do ...

Leia mais
Receba Informações

Sobre os nossos cursos