• FEMAvestibular
  • estudo-hot-site-bolsas
  • fema-guia-do-estudante-estadao-3b

 vestibular fema 2020

Inscrições Abertas

11 Cursos de Graduação

Prova dia 14/11 às 20h

INSCRICAO 

SEMACOM 2018Pesquisa de ex-aluna da FEMA em congresso


Paula Consoli, formada em Química Industrial, tem Iniciação Científica aceita em congresso que reúne químicos e pesquisadores nacionais e internacionais 

 

 

Por Glauciana Nunes e Isabella Chiampi

Assessoria de Comunicação FEMA

 

A ex-aluna Paula Consoli, do curso de Química Industrial, da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA) teve seu trabalho de pesquisa submetido para a 41ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química (RASBQ), que acontecerá entre os dias 21 e 24 maio de 2018, em Foz do Iguaçu (PR). O título do trabalho é “Atividade Microbiana e Caracterização de Filmes de Amido de Mandioca/Quitosana Reforçados com Fibras de Cana de Açúcar” e ele será exposto no evento. A área de atuação da pesquisa submetida é Química de Materiais e atualmente Paula está fazendo seu mestrado na área de Engenharia Ambiental na Linha de Saneamento, em Londrina (PR).

 

O projeto submetido é uma Pesquisa de Iniciação Científica (PIC) de Paula, de 2016, ano em que ela se formou. Ele consiste em criar filmes biodegradáveis com amido de mandioca e bagaço de cana de açúcar, que é um rejeito da agroindústria. A adição de quitosana foi para que pudesse avaliar a atividade antimicrobiana, tendo em vista que a quitosana é um antimicrobiano natural. Seu trabalho de pesquisa envolve dar funções para subprodutos das indústrias, como por exemplo o bagaço da cana.

 

Para a ex-aluna foi muito gratificante a submissão desse trabalho. “Assim tenho a oportunidade de levar um trabalho de pesquisa para apresentar e não apenas engavetar, como acontece com muitos outros. Também é importante, pois ter uma pesquisa aceita em um congresso como a Sociedade Brasileira de Química (SBQ) é uma imensa satisfação”. Com essa pesquisa o nome da FEMA é levado para esse grande congresso “e isso mostra que a faculdade está além da sala de aula”, finaliza Paula.

 

SOBRE O SBQ

A Sociedade Brasileira de Química foi fundada em 1977, durante Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), por químicos que se dedicavam à pesquisa, ensino em universidades e institutos oficiais. A SBQ também assume um papel de interlocução com autoridades responsáveis pelas políticas de desenvolvimento científico e tecnológico do País, exercido visando o bem comum. As reuniões anuais, regionais e temáticas da Sociedade são muito concorridas e seu portfólio de publicações é extenso e diversificado.

 

Durante a RASBQ químicos se reúnem para celebrar o avanço na ciência e discutir sobre todas as pesquisas submetidas, além de palestras e atividades com convidados nacionais e internacionais. O tema da Reunião em 2018 é “Construindo o Amanhã” e propõe uma reflexão sobre a criação de novas condições para que o ambiente de ciência e tecnologia do Brasil cresça e firme-se como algo fundamental no desenvolvimento econômico do País. O evento pela primeira vez em 41 anos contará com a presença de estudantes, professores, pesquisadores da área de química e áreas correlatas, de todos os lugares do país, e convidados e participantes estrangeiros.

  

 

facebook logo

SIGA FEMA ASSIS

 

MAIS NOTÍCIAS DA FEMA

Back to top