Estudante de Fisioterapia apresenta trabalho em quatro eventos científicos

Main Menu

Conheça a Fema

colacao medicina fema

FEMA realiza primeira colação de grau

A solenidade aconteceu no último sábado, 20 de novembro de 2021, no Cine FEMA Piracaia, com público reduzido e transmissão ao vivo

 

 

A Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA) realizou, no dia 20 de novembro de 2021, a colação de grau da primeira turma do bacharelado em Medicina, no Cine FEMA Piracaia, com transmissão ao vivo pelo YouTube da instituição.

 

A solenidade contou a presença do prefeito municipal de Assis, José Fernandes, do presidente da FEMA, Arildo José de Almeida, do diretor e vice-diretor acadêmico do Instituto Municipal de Ensino Superior de Assis (IMESA), Gerson José Beneli e Alex Sandro Romeo de Souza Poletto, do diretor executivo, Eduardo Augusto Vella Gonçalves, do coordenador do curso de Medicina, professor Dr. Jairo César dos Reis, do professor nome de turma, Dr. Ricardo Estefani, do patrono dos formandos, professor Dr. Carlos Izaias Sartorão Filho, da paraninfa da turma, professora Dra. Maria da Penha Belavenuta, dos professores que fizeram parte do corpo docente do curso de Medicina e do público reduzido por conta das medidas restritivas.

 

De acordo com o prefeito José Fernandes, este é um momento histórico para Assis e região. “A história do curso de Medicina se mistura com a da FEMA, uma história de avanços, conquistas e de sucesso. Isso mostra que a nossa FEMA está devolvendo à sociedade aquilo que nós tanto sonhávamos: profissionais das ciências biológicas, humanas, sociais e ciências da computação. Que orgulho!“, comemora o prefeito.

 

Para Arildo José de Almeida, presidente da FEMA, foram vários os desafios para entregar um curso de Medicina com excelência. “Sair do zero e implantar uma estrutura acadêmica do porte que exige uma faculdade de Medicina é desafiador. A FEMA por meio do Conselho de Curadores, da presidência, da gestão, dos professores, da coordenação e de todos os colaboradores, cumpriu o desafio de fazer um curso de excelência extraordinária! Graças ao curso de Medicina foram realizadas mais de 3.000 consultas e mais de 400 microcirurgias gratuitas para a população na periferia de Assis em parceria com o município, com intuito de atender as pessoas que mais necessitam“, celebra o presidente.

 

De acordo com o diretor acadêmico do IMESA, Gerson José Beneli, a colação de grau da primeira turma de Medicina da FEMA é um misto de sentimentos e gratidão. “ Primeiramente sou grato a Deus por estar aqui neste momento. Tudo o que está acontecendo hoje é resultado de um trabalho feito a muitas mãos. Houveram muitos colaboradores, uma equipe fantástica de professores, diretores, presidência, e nós do IMESA que estamos na instituição para administrar as questões acadêmicas”, fala o diretor.

 

Para o vice-diretor do IMESA, Alex Poletto, a sensação é de dever cumprido. “Excelentes médicos sairão daqui hoje e a sensação é de que nós realizamos um bom trabalho junto aos professores, coordenadores e funcionários. Hoje nós entregaremos para a comunidade grandes pessoas, grandes médicos”, diz Poletto.

 

O sentimento de alegria e de dever cumprido também se estende a Eduardo Vela, diretor executivo da instituição. “Primeiramente, hoje o sentimento é de alegria e de dever cumprido. Essa colação de grau representa, para a história da FEMA, um passo muito importante ”, comemora Vella.

 

A noite da colação de grau contou com diversas homenagens e momentos emocionantes, um desses momentos foi o discurso do professor e cirurgião Dr. Ricardo Estefani, professor escolhido para ser o nome da T1, como é chamada a primeira turma. De acordo com o docente, que acompanhou os alunos em 5 dos 6 anos de formação em diversas disciplinas teóricas e práticas, a colação de grau é um momento de celebração. “O sentimento de hoje é o de gratidão. Participei de 5 dos 6 anos da graduação destes alunos, que agora são médicos, fui eleito o nome de turma, e isto é uma representação muito importante do ponto de vista acadêmico.”

 

O sentimento de emoção também tomou conta dos familiares dos formandos. Para a senhora Maria de Fátima Landim, avó do aluno Vinicius Landim Marquezini, ver o neto formado é um momento de extrema emoção. “Hoje é um dia de muita felicidade e muita emoção. Agradeço a Deus por tudo”, conta Maria de Fátima.

 

Os seis anos de graduação parecem ter passado rápido pelos olhos do aluno José Francisco Tribulato Garla. “Hoje é um dia muito emocionante. Tudo passou tão rápido, parece que tudo começou ontem. É um misto de sensações, alegria por estar se formando e ao mesmo tempo tristeza por perder os nossos amigos de todos os dias “, finaliza o médico.

 

Ao longo da graduação, os alunos fizeram uso do Laboratório de Práticas em Ciências da Saúde, um espaço com tecnologia de ponta que permitiu aos estudantes colocar em prática os conteúdos assimilados nas aulas teóricas. Um dos pilares do curso foi o atendimento humanizado, que pôde ser ensinado na prática. Atuando nas policlínicas do município de Assis, sob a supervisão dos professores, os alunos estreitaram ainda mais o relacionamento entre a FEMA e a comunidade assisense.

 

 

  

facebook logo

SIGA FEMA ASSIS 

 

MAIS NOTÍCIAS DA FEMA

 

Back to top